18/10/17
 
 
‘Se não fosse o futebol ainda era virgem’

‘Se não fosse o futebol ainda era virgem’

shutterstock Jornal i 12/10/2017 10:57

Antigo jogador do Chelsea não esquece o que o futebol fez por si

Gianluca Vialli representou grandes clubes como o Chelsea e a Juventus antes de ‘pendurar as chuteiras’ em 1999, embora não tenha largado nunca o futebol. Chegu mesmo a treinar os 'blues'.

Aliás Vialli não esquece a importância que o desporto teve na sua vida.

“O futebol tem sido tudo para mim”, afirmou à imprensa inglesa, acrescentando: "Comprei a minha primeira casa, o meu primeiro carro graças ao futebol. Mais importante do que isso, fiz sexo pela primeira vez por causa do futebol. Se não fosse o futebol ainda era virgem”.

A pensar no que este desporto lhe deu, Vialli considera que também está na hora de retribuir e em conjunto com o Fausto Zanetton, que trabalhou em bancos de investimento como a Goldman Sachs e a Morgan Stanley, criou a Tifosy, uma espécie de plataforma de crowdfunding para desporto.

A ideia é ajudar os clubes a angariarem fundos, através da aproximação aos seus fãs, de forma “justa e transparente”, garante Zanetton.

Para Gianluca Vialli esta forma de angariação no desporto é o futuro e vai ajudar o futebol a nível mundial.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

Não tem utilizador? Clique aqui para registar

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×