17/11/18
 
 
Itália. À quarta é de vez - não é provérbio, mas Ronaldo espera que seja verdade

Itália. À quarta é de vez - não é provérbio, mas Ronaldo espera que seja verdade

AFP Bruno Venâncio 13/09/2018 18:09

Decorridas três jornadas da Serie A, a Juventus já lidera isolada só com vitórias mas ainda não viu o CR7 festejar um único golo. Na vecchia signora esperam que aconteça já na receção ao modesto - mas surpreendente - Sassuolo

Mais uma jornada, mais uma oportunidade para Cristiano Ronaldo se estrear a marcar em jogos oficiais pela Juventus. O capitão da Seleção nacional ainda não conseguiu fazer o gosto ao pé no futebol italiano, apesar do enorme fluxo ofensivo do futebol da Juventus, e começa a denotar alguns sinais de frustração – compreensível, obviamente.

Este domingo, porém, estão reunidas todas as condições para o quebrar do enguiço: a Juve – que mesmo sem golos de Ronaldo já lidera isolada, com três vitórias noutros tantos jogos – recebe o Sassuolo, num encontro onde é amplamente favorita. Ainda assim, convém realçar que o modesto conjunto neroverdi está a realizar um início de temporada muito bom: soma sete pontos, mercê de duas vitórias (1-0 ao candidato Inter de Milão e 5-3 ao Génova) e um empate (2-2 no terreno do Cagliari), ocupando o segundo lugar.

A ausência de golos do CR7, todavia, ainda não é algo que preocupe o plantel da vecchia signora, como se pode depreender pelas palavras do médio francês Matuidi: “O Ronaldo tem uma aura diferente. É o melhor do Mundo, já conquistou cinco Bolas de Ouro e está habituado a vencer na Liga dos Campeões. Todos temos a consciência que ele vai estar lá quando precisarmos dele.”

Refira-se ainda que a Federação de Futebol Italiana (FIGC) decidiu penalizar o Chievo em três pontos, descontados já neste campeonato, e ainda uma multa de 200 mil euros. Tudo devido a um processo de alegados ganhos de capital fictícios, resultantes de várias trocas de jogadores com valor considerado excessivo com o Cesena, clube que entretanto até já foi extinto, num esquema para mascarar as contas.

 

Vida difícil para Mourinho Muitos motivos de interesse – como sempre – reserva a jornada 5 do campeonato inglês. E logo com o primeiro jogo da ronda: o Tottenham-Liverpool, às 12h30 deste sábado. A fazer o melhor início de sempre desde a criação da Premier League, os reds de Jurgen Klopp deslocam-se a Londres para enfrentar uns spurs muito desfalcados: Dele Alli e Lloris estão fora – o guardião francês, de resto, irá parar “várias semanas” devido a uma lesão numa coxa, segundo revelou o clube.

Se o Manchester City tem uma jornada mais ou menos tranquila (receção ao recém-promovido Fulham), o mesmo não se pode dizer do rival United, de José Mourinho, que visita o terreno do Watford, a grande surpresa desta Premier League até ao momento: soma quatro vitórias em quatro jogos, partilhando a liderança com Liverpool e Chelsea. O Wolves, com a legião portuguesa orientada por Nuno Espírito Santo, procura a segunda vitória na receção ao Burnley, tal como o Everton de Marco Silva frente ao West Ham.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×