27/5/19
 
 
Ex-mulher de Thomas Markle avisa Meghan para não deixar o seu pai ver o bebé real

Ex-mulher de Thomas Markle avisa Meghan para não deixar o seu pai ver o bebé real

AFP Jornal i 12/05/2019 13:08

"O Archie merece ser criado num lar feliz, não nesta situação vingativa"

Roslyn Markle, ex-mulher de Thomas Markle, quebrou o silêncio sobre a sua relação com o pai da duquesa de Sussex e alerta que Meghan Markle não deve deixar o pai voltar a fazer parte da sua vida, sobretudo agora que nasceu o seu filho, Archie.

Roslyn, que foi casada com Thomas Markle entre 1964 e 1975, antes de este se casar com Doria Ragland, a mãe de Meghan, revelou, em declarações ao Mirror, que este sempre foi um “pai terrível”  e que demonstrava pouco interesse nos filhos.

Além de alegar que Thomas passava os dias fora de casa e que a traiu várias vezes, Roslyn, de 73 anos, afirma ainda que o pai da duquesa de Sussex a agredia verbalmente. Acusações que Thomas Markle nega.

"Ele mostrou repetidamente à Meghan que não é confiável. Ela sabe disso. Não por amargura, a minha vida mudou, mas por preocupação. O Archie merece ser criado num lar feliz, não nesta situação vingativa que foi criada. O Tom era um pai horrível. O que poderia fazer-nos pensar que ele seria um grande avô para o Archie?", defendeu a mulher.

“Enquanto ele se retrata como um pai amoroso, ele não era nada para os nossos dois filhos durante o nosso casamento”, acrescentou Roslyn, que atualmente vive no Novo México.

Recorde-se que Meghan Markle e o pai se encontram de relações cortadas há mais de um ano. Archie, o filho dos duques de Sussex, nasceu no passado dia 6 de maio.

 

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×