27/5/19
 
 
86% das empresas portuguesas não cumprem prazos de pagamentos

86% das empresas portuguesas não cumprem prazos de pagamentos

Jornal i 14/05/2019 16:38

Segundo o Barómetro de Pagamentos Informa D&B, ao longo dos primeiros meses deste ano não se registaram melhorias neste comportamento das empresas.

O comportamento de pagamentos das empresas em Portugal está a apresentar uma tendência oposta à da maioria dos outros países, desde logo da média europeia e dos seus principais parceiros económicos, que têm mostrado nos últimos 10 anos uma redução significativa de empresas incumpridoras dos prazos de pagamento.

Segundo o Barómetro de Pagamentos Informa D&B, ao longo dos primeiros meses deste ano não se registaram melhorias neste comportamento das empresas. No final do mês passado, 86% das empresas nacionais não pagavam dentro do prazo, um registo que tem vindo a degradar-se, com apenas 17,4% de empresas cumpridoras em 2016, 16,0% em 2017 e de 14,2% em 2018.

A média do atraso é neste momento de 28,7 dias, um registo que apesar de já ter chegado aos 28,8 em fevereiro deste ano, é também um dos mais elevados desde 2015.

No entanto, a grande maioria das empresas (65,4%) paga com um atraso até 30 dias. A percentagem de empresas com atrasos superiores a 90 dias é de 9,4% no final de abril, refletindo também um agravamento face aos últimos anos.

A França é o segundo país (a seguir à Espanha) que controla mais empresas em Portugal, sendo o que representa um valor mais elevado de volume de negócios, dirigido sobretudo para empresas não financeiras com especial destaque no Retalho automóvel e nas Tecnologias da Informação e Comunicação. França é um dos principais parceiros comerciais de Portugal.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×